Quer saber..?

Depois de tanto tempo querendo te encontrar de novo, por pura curiosidade de saber como você está agora, como você ficou esse tempo todo sem mim, ou até mesmo por uma esperança de você se apaixonar por mim de novo, tudo mudou.

Não sei se foi por ter uma pequena amostra do que você se tornou durante esses dois anos, ou se foi porque o sentimento se extinguiu simplesmente porque não tinha mais esperança para se alimentar. Talvez um pouco dos dois, mas também tenho medo de te encontrar e ver tudo aquilo acontecer de novo. Todas aquelas sensações que eu tive da primeira vez que te vi ali, andando de cabeça baixa por um enorme gramado em um lugar que podemos chamar de “paisagem perfeita” com todo aquele verde ao redor.

Aquilo tudo que eu vivi em 1 semana se estendeu como eu nunca achei que fosse acontecer, primeiro eu achava que não iria durar, que era questão de no máximo 2 meses para eu esquecer das férias e voltar para o mundo real. Mas não foi bem assim, o tempo foi passando e o sentimento não passava junto. E aquilo foi se tornando mágua e decepção dentro de mim, o que fez eu explodir e por isso achar que nada mais fazia sentido. Ah se eu pudesse voltar aquele momento de angústia e dizer para mim mesma que tudo ia ficar bem… Eu evitaria muitas lembranças que tenho até hoje.

Tudo que senti por você foi tão intenso que eu não sei se foi mesmo real. Afinal, não é “normal” uma garota de 12 anos (idade que eu estava na época) descobrir dessa maneira o verdadeiro significado da palavra amor, e ao mesmo tempo descobrir também o de decepção.

Mas se depois de tudo isso me perguntarem o que eu faria se pudesse voltar no tempo, a minha resposta seria “nada”. Não me arrependeria do que um dia já me fez sorrir, mesmo que isso não tenha ainda o mesmo efeito. E se você acha que foi um desperdício de tempo para minha vida, fique sabendo que não. Porque durante todo esse tempo eu cresci e aprendi a me conhecer melhor e além disso, saber analizar e não me entregar completamente meu coração à garotos como você.

E se um dia eu te encontrar por aí, só vou falar: muito obrigada por tudo que você me fez sentir, desde as melhores às piores sensações que já aconteceram comigo. Só não esquece que todas essas garotas que entraram na sua vida desde o momento que você se afastou de mim nunca foram capazes de sentir o que eu senti por você.

E a minha última suposição é: quem sabe eu não escrevi tudo isso para tentar convencer a mim mesma que você não significa mais nada para mim, enquanto uma parte do meu coração ainda pertence e sempre pertencerá a você?

 

xxx