Todos eram outros naquela noite. Muitos não se reconheciam por estarem tão bem fantasiados. A procura pelo seu rosto, no meio da multidão escondida por trás de máscaras e maquiagens bem feitas, era quase inútil. Te achar ali seria no mínimo impossível.

O calendário já tinha se renovado quando o tão esperado aconteceu, acho que posso até dizer que virei a noite te procurando indiretamente.

Mas como eu já esperava, valeu a pena. Meu principal objetivo da noite foi alcançado. Mas até hoje me culpo por ter saído “tão cedo” de lá. Foi pelo menos o que você me disse no dia seguinte. Será que foi um jeito indireto de falar “queria mais”? Sempre tive facilidade em ler entrelinhas, principalmente nesse tipo de assunto… Mas para mim você é um mistério, as suas entrelinhas são indecifráveis e isso é enlouquecedor.

Não posso falar por você, mas por mim ainda posso e acho que aquele relógio deveria ter parado naquele momento e fazê-lo durar para sempre. O beijo pareceu encaixar perfeitamente, algo que nunca tinha acontecido comigo estava acontecendo ali. Você era mais experiente no assunto, mas será que uma boca consegue encaixar perfeitamente em outras também? Não sei como foi o final da noite para você, mas pra mim é como se aquela madrugada estivesse presente em cada madrugada que passou até agora depois daquele dia. Todas tinham um pouco de você, inclusive essa agora. Seja lá o que for isso, eu quero mais. Quero mais só se for de você, sempre mais.

xxx