Há poucos dias atrás, perguntei para mim mesma: desistir ou insistir?


Muita coisa me deu mil e um motivos para desistir, deixar pra lá e fingir que essa fase nunca aconteceu. Mas era só eu olhar para você naquelas manhãs que eu esquecia de tudo e só pensava em ganhar você. No final do dia, quando eu via que mais uma vez nada havia mudado, eu pensava novamente em desistir de ter você. Mas aí chegava mais uma manhã e eu te via em pé parado na frente do meu portão e lembrava do que eu realmente queria.

E foi assim por muitos dias. Até que hoje eu cheguei à conclusão de que é verdade, o que eu quero é insistir e só paro quando te ter por inteiro e me entregar por inteira a você. Sem arrependimentos ou culpa.

É isso, ta decidido. Sem mais voltar atrás, sem mais tentar negar o que sinto.

Desistir ou insistir?

Eu escolho insistir.

xxx